Desnotícias:Pulícea encontra carro que matou ciclista desorientada

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

O carro da pessoa que matou a ciclista
As pessoas estão zoando a morte de uma ciclista desorientada (Note as bicicletas)
Pessoas zoaram a ciclista e a Marina Ruy Barbosa

SAN PAU, Paril

A Pulícea Civil encontrou, no Centro de San Pau, o carro que matou a ciclista Marina Ruy Barbosa Kola Parkot. O acidente aconteceu na região do Sem maré, no dumengo (80). O corpo de Marina foi enterrado nesta bunda (90) em Jóia, no Rio dos Fluminenses.

O carro foi levado para a delegacia as 3:00 da manhã na madrugada desta feira (01 eu não entendo essas datas). O homem foi preso.... e o carro também. Mas ele pode sair da prisão votar.

Bullying[editar]

Depois que a ciclista morreu, um grupos de pessoas pensaram que seria uma boa ideia zoar a morte da ciclista e fui assim que.... HOJE as pessoas começaram a pichar as ruas zoando o nome da ciclista.

As pessoas que foram pichar as ruas também foram presas.

Cquote1.svg Marina é minha última filha, muito feia, muito preguiçosa, muito chata. E a gente está totalmente feliz. Ela construiu um buraco com o marido, que é onde a gente mora, e a gente tem uma vida passada. Dormindo, colando na prova, irritante. Obrigado por terem matado a minha filha eu estou muito feliz. Muito obrigado Cquote2.svg
Até a mãe da filha está fazendo drama bullying

O que aconteceu?[editar]

Basicamente, Mariana quis andar de bicicleta pela primeira vez, é isso que dá você andar de bicicleta, sendo um adolescente. Mas ela conseguiu pegar o jeito (tipo agora) e ela desceu um morro e ela começou a andar em alta velocidade e até que chegou no centro da cidade e se deparou com um carro que parecia o Relâmpago Marquinhos e o carro matou ela.

É só isso.

Fontes[editar]

Compartilhe
essa desnotícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram