Associação Internacional de Federações de Atletismo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de IAAF)
Ir para: navegação, pesquisa

Associação Internacional de Federações de Amadores Atletismo (IAAF em ingrêis) é a entidade maior do atletismo, responsável por gerir este esporte de mil modalidades e certificar-se de que ele se mantenha sempre sem graça e sem emoção, já há mais de 100 anos fazendo questão do atletismo ser assim, uma mera competição de capacidade física (quem corre mais rápido, quem pula mais alto, quem taca uma bola de aço mais longe, só essas porcarias que ninguém se importa). Uma grande crítica dos atletas ao redor do mundo é falta de incentivo e patrocínio, mas a única forma da IAAF atrair patrocínio para essas competições que não passam em nenhum canal seria criar novas regras que envolva porrada ou coisas mais emocionantes. Desde a década de 80 a organização tem tentado seduzir telespectadores obrigando os atletas a usarem uniformes indecentes e sensuais, mas como a internet foi inventada e a pornografia passou a estar a um clique de distância de qualquer um, nem essa estratégia deu certo.

História[editar]

A Bulgária ganhou 4 medalhas de ouro das 6 disputadas na competição de arremesso de cachorros, atualmente descontinuada pela IAAF, de 1920 a 1928. Na foto à esquerda vemos Ivic Labovodvostok, o búlgaro campeão olímpico de arremesso de cachorros de 1924, com uma marca de 18,6 jardas em apenas 6 segundos.

A entidade foi criada em 1912, ainda com o nome de Associação Internacional de Federações de Amadores, reunindo apenas 17 países filiados, e atualmente conta com 214 membros, sendo alguns nem reconhecidos pela ONU, como Acre e Ilhas Turcas e Caicós.

Por várias décadas a entidade não serviu para absolutamente nada, apenas cabide para emprego fácil, administrar os jogos, algo que qualquer retardado consegue, afinal vence o que for mais rápido, não havia mistério nenhum nisso. Mas a partir de 1982 a IAAF começou a se meter e modificar regras padronizar o peso das tranqueiras arremessadas, padronizar a vara. Até o dildo das competições de corrida com revezamento de pirocas de borrachas foi padronizado, então o esporte que já era chato ficou ainda mais insuportável de se assistir.

Em 1993 a sua sede foi transferida em definitivo para Mônaco, um lugar sem leis onde os figurões da entidade podem cagar dinheiro sem se preocuparem com mais nada.

Aliás, a entidade mudou o nome apenas em 2001, quando apagou "amador" e passou a se denominar Associação Internacional de Federações de Atletismo, mas ainda poucas pessoas chamam a IAAF assim.

Regras[editar]

A IAAF é a entidade responsável por criar, preservar e revogar as regras do atletismo, bem como criar e revogar novas modalidades. Ou seja, é um trabalho que qualquer analfabeto saberia fazer, já que as competições são apenas demonstração 100% de capacidade física.

A IAAF é também responsável pelos cronômetros e equipamentos das provas, validando os recordes mundiais ou não.

A entidade também faz controle de doping e pune atletas por isso, dependendo da propina as punições podem ser mais leves ou então bem idiotas (tipo punir um atleta de ficar 3 anos sem competir antes de começarem as olimpíadas). É proibido o consumo de remédio da Turma da Mônica, produtos da Herbalife, Biotônico Fontoura, Guaraná Dolly, anabolizantes, maconha e demais porcarias que aumentam o rendimento.

Campeonatos[editar]