Kirby Super Star

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Kirby Super Star é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, o Donkey Kong mata o K. Roolenstein.


Kirby Super Star
KirbySuperStar-box.jpg

Kirby pronto pro show

Informações
Desenvolvedor HAL Laboratory
Publicador Nãointendo
Ano 1996
Gênero link={{{3}}} Jogos de ação-aventura
Plataformas Super Polystation
Avaliação -1%
Idade para jogar Livre

Cquote1.png Esse cara aqui é fantástico, olha só a ausência de orelhas e a pelagem fashion! Cquote2.png
Richard, do Selvagem ao Extremo sobre Kirby
Cquote1.png Amei esse joguinho com a Jigglypuff... Cquote2.png
Carla Perez sobre Kirby Super Star.
Kirby Super Star é um jogo da série da bolinha cor de rosa lançado em 1996 para Super Polystation que conseguiu muitos fãs para série, sendo a maioria emos, frescos e gurias retardadas. Neste game, Kirby irá percorrer 8 mundos repetitivos e sem graça enquanto devora inimigos e rouba seus poderes, além de ensinar para crianças coisas sobre clonagem.

História[editar]

Não Bastasse a Deku Tree, Kirby também dá os ares de elfo por aqui.

Kirby Super Star não tem história. Há 8 jogos dentro da fita do cartucho, e nenhum deles tem uma história significante, sendo que para jogar esse jogo você só precisa ter 5 anos e gostar de giz de cera. 4 desses jogos são de plataforma, tudo a mesma coisa, coloridinho e fácil. Prepare-se para enfrentar inimigos como uma perigosa árvore gigante (que mais tarde ficou conhecida como Deku Tree no jogo do elfo verde) que vai atirar maçãs em você. Muito Perigoso. Em todos os chefes de todos os 4 jogos o esquema é o mesmo, comer e soltar, comer e soltar, comer e... ahhh você entendeu. Os outros games se dividem em lutas e corridas. O de corrida é apenas seguir em frente com a bola rosa e tentar ganhar do King DDD , já os de luta são um caso a parte. Onde já se viu um game de luta onde só se usa um mísero botão? Apenas aperte o botão na hora certa e voalá, você acaba de fechar mais um game super difícil (ou não).


Poderes[editar]

Kirby conta com diversos poderes repetitivos legais, como puxar o ar e inflar, puxar o ar e planar, puxar o ar soltar o ar... Além de poder colocar inimigos na boca e decidir se vai faze-los se tornarem amiguinhos rsrs, cuspir fora ou roubar seus poderes. Quando Kirby resolve fazer um clone do inimigo transformado-o em namoradinho virtual, a putaria começa. Acontece qua pelas fases estão espalhados diversos pedaços da fruta do pecado (as mesmas que o tinhoso deu pra Eva no jardim do Édem, aquele bairro de Sorocaba), e essas frutas são as que recuperam a energia do Kirby e de seu parceiro. Assim que Kirby encontra uma fruta ele a divide com seu parceiro... Dando um baita de um Beijo na Boca!!!! Sim, em frente aos nossos pirralhos que jogam essa coisa colorida. Os criadores de Kirby provavelmente são amigos da Disney ou algo assim, por nos apresentarem o primeiro herói viado dos video-games.

Gráficos[editar]

Guitarra usada nas composições da trilha sonora de Kirby Super Star

Coloridos. O que você espera de um jogo onde os inimigos são felizes e o personagem pirncipal é um algodão doce cor de rosa? Neste jogo o que encontraremos é alguma mistura entre Teletubies e algum daqueles seriados furryes que passam nas manhãs da terra do sol nascente destinado a criancinhas. Kirby Super Star foi até convertido em um DVD daqueles em que as mamães colocam para alegrar a pirralhada em um aniversário de criança, onde a coisa é tão besta que o dialeto falado pelos personagens se resume a "Blubliblablubliblbilbu!".

Som[editar]

A trilha sonora e os efeitos de Kirby Super Star foram os primeiros a serem inteiramente gravados com brinquedos como boneca que chora, genius e a fantástica Guitarra da Estrela.