Surfe

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Bob Mauley.jpg   Fala, mano! É o seguinte: Surfe é mais uma coisa que os mano da quebrada curte, tá ligado, véio?
Então, não zoa este artigo não, porque vai dar em treta, mano!


Cquote1.png Se pudesse pegava 1000! Cquote2.png
Jeremias sobre Surfe
Cquote1.png Irado irmão!!! Cquote2.png
Surfista sobre Tatuagem do Piu-Piu do amigo
Cquote1.png Ae bro,vamu no flipper e depois vamu na minha casa joga PS2! Cquote2.png
Nerd que se acha Surfista sobre Surf


Um suifista em ação

Suife é o que os brôu consideram uma epopéia espiritual, "trancendentau i xapada" (cf. emeio enviado por suifista, em entrevista excruziva).

Descrição[editar]

Surfista Surfando (claro) na australia.
Suifistas bronzeados de tanto praticar o esporte
Um suposto surfista.

Surfe é o que os brôu pratica pra ficar na crista da onda. A parada é ficar em pé na água, um lance meio milagroso tá ligado?, mas contando com uma ajuda bem ishtáile: a prancha de suife. Esta por sua vez, é mais importante que o suifista, já que é levada para cima e pra baixo, embaixo do braço, de bike, de moto ou de carro, e mesmo de busão.

Na praia não confere tanto status, pois qualquer farofeiro tem uma. Mas andar com uma prancha em São Paulo ou qualquer outra cidade longe do litoral é sinônimo de "não precisar trabalhar pois o papai manda dinheiro para descer a serra, pagar o pedágio e várias outras paradinhas, incluindo a paradinha pra cabeça, tá ligado?". Dessa forma, confere um status de prêibói para qualquer trouxa que longe do mar parece um suifista autêntico, um verdadeiro polinésio.

Mas 90% do esporte resume-se ao corpo: não, não é preparo físico. É suporte para roupas de marca, com a marca bem grande estampada no moleton, na berma, na regata, no tênis, no carro, na prancha de suife, no óakulos, no rolexógio e diversos itens que são essenciais para um bom desempenho e harmonia no mar, com o mar. Isso quer dizer que o cara é pró (tipo, a favor da marca), e isso quer dizer que ele suifa bem. Mas normalmente nao é o que acontece.

Contexto[editar]

Um resumo é a frase: "destrua as ondas não as praias", para pagar onda de ecologista. Obviamente, para se produzir uma prancha, uma bermuda de tac-tel ou neoprene, o lash e descolorir o cabelo, além da parafina pra cabeça, prancha e pêlinhos descoloridos do braço, cada suifista ferrou uns 10 hectares de lençol freático, no mínimo. Na outra ponta da historia, o cara quer dizer que é radical (que vem da raíz, tipo a mandioca de onde se extrai a farinha) e irado (que quer dizer que sente um ódio profundo por tudo o que existe, e tomado pela ira, tenta se matar provocando o oceano). Há também o lance da harmonia, o respeito pelo oceano como um grande outro. Mas tudo isso porque o pai do sujeito não fez por merecer.

Assim, dizendo que é ecologista irado e radical, e que vive em harmonia com a natureza, o praticante do esporte é um sujeito que tem muita água salgada na cabeça. E cabelo descolorido também.


Torneios[editar]

Os torneios tem como objetivo ver quem é o mais debil e ousado dos humanoides manos da parada, onde todos tentam fazer alguma coisa que impressione o jurí e os mano da galera. As notas vão de 1 até 5 pois não sabem contar até 10. Pros suifistas impressionarem os juiz, eles mandam us cuti baqui, as rasgada e os aeriu, mas o mais dahora pros suifistas é suifa num fundo di coral e mostrar quem consegue se arrebenta e perde uns 3 dentes ser o mais radical nas onda.

Prancha feita de cola.

Rodrigo Duarte o carai man, eu editei metade dessa parti poura(dialugu di suifista)

Como reconhecer um surfista[editar]

Não se confunda com Nerd Surfista, um surfista anda eventualmente sem camisa, cheio de tatuagens do Piu-Piu, bombado e seu sonho é ir surfar no Hawaii, ou pior, na Australia,ir para a Australia é a satisfação de todo o surfista, até porque ninguém que foi surfar lá voltou.

Os elemento para reconhecer um surfista são: a camisetinha colada da billabong, a prancha de surf e o cumprimento.

A prancha de surf[editar]

Por incrível que pareça, nem todas as pranchas são iguais.

Existem pranchas feitas para surfar em ondas de marolha de barco, pranchas feitas para pegar ondas gigantes, e pranchas feitas para tsunamis. Se você quiser surfar no Lago Paranoá, é bom arrumar uma prancha para surfar no mar de lama.

Cumprimento[editar]

A maneira clássica de se cumprimentar, no mundo inteiro, é fechando os três dedos do meio, balançando a mão e gritando UHUUUUUHUHULLLL, (igual ao logotipo da Hang Loose, saca?). Não se sabe se quem inventou isso foi a Hang Loose ou se ela copiou. Mas o mais provável é que eles tenham ficado com inveja do cumprimento Heavy Metal que sugere uma cabecinha com chifres demoníacos e tenham tentado criar uma cabecinha do mar, uma espécie de Tubarão Martelo ou coisa parecida.

Ver também[editar]

v d e h