Os Donos da Bola

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Logo band pacman.GIF Os Donos da Bola é uma coisa da Band, portanto também aparece na Rede 21. Esta página pode estar mencionando algum programa culinário com o Jacquin, alguma igreja evangélica ou analfabetos que acham que entendem de futebol, digassi di passagi garotinho. Clique aqui para ver mais coisas mal-feitas.

Cquote1.svg Você quis dizer: SP Acontece sem Datena Cquote2.svg
Google sobre Os Donos da Bola
Cquote1.svg Eu discordo desse artigo Cquote2.svg
Edílson Capetinha

Um dia normal em Os Donos da Bola.

Os Donos do Corinthians é um programa da Band que deveria ser esportivo, mas que só fala de futebol mesmo. Ou mais especificamente, do Corinthians, digassi di passagi garotinho. É apresentado pelo Crack Neto, e tem comentários de Velloso Cabelo de Boneca, Rogério Cabeça de Pinto, Dirceu Maravilha e Fernandinho Fernandes. Antigamente Edílson Capetinha Jogadô também discordava comentava, mas por ser excessivamente discordante, ele foi substituído por Souza.

O programa é o segundo favorito dos pedreiros que estão em horário de almoço, perdendo apenas para o Jogo Aberto, que apela para a velha estratégia da apresentadora gostosa para chamar público. Começando na sequência deste programa e aproveitando a audiência alavancada, Os Donos da Bola consegue manter os espectadores, pois apesar de não passar nenhuma informação que presta, Neto e seus parceiros divertem os seus espectadores falando um monte de merda e gerando um caminhão de memes.

Formato[editar]

Cquote1.svg Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, amém, vamo pra mais um programa... E a dívida do Curíntia, hein? Cquote2.svg
Neto começando qualquer programa

Cquote1.svg Tô aqui com a camisa do Naruto, porque só ele mesmo pra salvar o Curíntia. Cquote2.svg

O programa segue aquele velho estilo de Mesa Redonda, onde o apresentador fica levantando as pautas, e os comentaristas defecam rapidamente no assunto, falando um monte de coisa nada a ver sem ter conhecimento sobre nada, baseados apenas em achismos, sentimento de torcedor ou apenas na proposta de ser anti mesmo. Quase sempre o programa tem convidados especiais que também não entendem nada sobre o que será comentado, ou seja, são perfeitos para ajudar na defecação.

Como é o próprio Neto quem escolhe os assuntos que serão debatidos, 80% do tempo é dedicado para discutir sobre o Corinthians, sua dívida e seus pés de rato com salários milionários, 10% do tempo é dedicado para o Neto ficar fazendo politicagem ao vivo e divagando sobre assuntos aleatórios (que nem o Casagrande) e o 10% do tempo restante serve para falar sobre o Palmeiras e o São Paulo. O único time que nunca nem é mencionado é o Santos, já que com esse ninguém se importa mesmo.

Cquote1.svg Eu discordo desse formato Cquote2.svg

As vezes Neto resolve "entrevistar" algum jogador ao vivo, claro que algum cara do Corinthians. Aí é só puxação de saco, Neto fica lambendo as bolas até dos jogadores que dez minutos antes ele estava chamando de pé de rato que GANHA 500 PAU POR MÊIS I NUM CONSEGUE CHUTAR UMA BOLA.

Para tentar dar uma levantada no astral, no meio do programa, Neto começa a gritar do nada e os comentaristas começam a fazer suas piadinhas engraçadalhas de quinta série. Esse é o momento meme, então não se espante se ouvir coisas como Cquote1.svg Não confunda Tratado de Tordesilhas, com Tarado nas Ilhas Cquote2.svg, Cquote1.svg Joguei mais que o Cristiano Ronaldo e Messi Cquote2.svg ou Cquote1.svg PÃÃÃÃÃÃÃÕOOO!!!!! Cquote2.svg. A baguncinha só acaba quando o Cascão dá uma comida de rabo no Neto através do ponto eletrônico. Agora com todo mundo mais calmo, é hora de tiltar o Velloso, falando um pouco sobre o Palmeiras. É aí que começa o cabo de guerra, Velloso tenta falar do Palmeiras, e o Neto faz um malabarismo pra botar o Corinthians no assunto. Aí o Velloso dá um drift pro assunto voltar pro Palmeiras, e o Neto fica desesperadamente tentando voltar a falar do Corinthians... e assim vai.

No final do programa, é o momento dos palpites errados, todos os comentaristas fazem suas apostas no placar dos jogos do dia. As vezes quem erra precisa pagar uma aposta, como raspar o cabelo ou ir pra Aparecida do Norte a pé. Não se sabe o que acontece quando alguém acerta, até porque isso nunca aconteceu.

Integrantes[editar]

Crack Neto[editar]

Neto revelando em rede nacional a receita do chá pra matar lombriga que ele aprendeu com a Dona Delcita, também conhecida como Cátia Fonseca.

O apresentador analfabeto e principal metralhadora de merda de Os Donos da Bola, Crack Neto é conhecido pelas suas opiniões polêmicas. Se pudesse, ele decretaria feriado nacional o dia do nascimento de Cássio, que cê tá falhando pra caramba no gol do Curíntia, mas tratou meu fio muito bem na Frórida Cúpi. Ele também elegeria como Presidente do Brasil o seu Johnny Saad, que em 20 anos nunca atrasou o seu salário, quando o dia 5 cai no sábado, ele paga na sexta. E por fim, ele contrataria a Dona Delcita como cozinheira no Corinthians, pra ela fazer diariamente o chá pra matar lombriga pros lombriguentos do Parque São Jorge.

Já que, apesar de ser conselheiro do Corinthians, Crack Neto nunca possui boas informações sobre o dia a dia do clube para passar pros telespectadores, ele tenta chamar audiência inventando contratações mirabolantes, como a do Seedorf e do Alex Teixeira, e fazendo stand-up ao vivo, zoando tudo e todos, especialmente o Andrés Sanchez.

Velloso Cabelo de Boneca[editar]

Velloso se irrita com tanta discordância e bota o pau na mesa.

Assim como Edílson Jogadô, Velloso é mais um ex-jogador que o Neto tirou do limbo e levou pra trabalhar em Os Donos da Bola pra ele conseguir pagar as pensões atrasadas e não acabar indo em cana.

Velloso, com seu cabelo de boneca que sua esposa Jane cortou em cima da árvore, dizem que é o mais lúcido dos comentaristas, mas isso nunca foi comprovado, já que ninguém nunca deixa ele completar seus raciocínios. Nas raras vezes em que ninguém interrompe o Velloso no meio da fala, o programa vai pro intervalo/acaba e ele não consegue falar tudo o que queria, já que pela regra que o Crack Neto impôs, quem não tem Mundial fala por último.

Assim como o Neto está ali só pra puxar o saco do Curíntia, Velloso só está lá pra puxar o saco do Parmera, comentando principalmente sobre os principais acontecimentos da equipe alviverde.

Souza[editar]

Já que Souza não consegue empolgar os telespectadores discordando dos demais, o jeito é fazer apostas ao vivo.

Por seu excesso de discordância, Edílson Jogadô foi chutado de Os Donos da Bola, e quem entrou no lugar dele foi Souza, mais um ex-jogador que estava no limbo e ninguém nem lembrava que existia. Além de ter sido chamado pra conseguir pagar as pensões atrasadas, Souza teoricamente deveria ser o cara pra comentar sobre o São Paulo, já que Neto comenta sobre o Corinthians e Velloso sobre o Palmeiras, mas como não é ele quem escolhe as pautas, no fim ele acaba falando só sobre o Corinthians também.

Todos concordam que ele é o mais sem graça do programa, já que ao invés de meter o loko e discordar de geral como seu antecessor fazia, ele concorda com tudo que o Velloso diz, eliminando qualquer possibilidade de discórdia e treta ao vivo.

Dirceu Maravilha[editar]

Cquote1.svg Vou falar mais uma vez, não confunda Tratado de Tordesilhas, com Tarado nas Ilhas, uma coisa é uma coisa, e outra coisa é outra coisa Cquote2.svg

O tiozão engraçadão do programa, Dirceu Maravilha é um locutor esportivo em Os Donos da Bola, que está lá só pra contar piadas sobre o Curíntia e porque o Neto queria dar um emprego CLT pro seu parceiro, que narra as partidas na Rádio Craque Neto por um precinho camarada. Dirceu Marchioli Maravilha é conhecido por contar sempre as mesmas piadas batidas em todos os programas e por ser um grande fã de Ángel Romero, inclusive tendo ido pra Aparecida do Norte a pé após o paraguaio fazer aquele gol no Palmares que abriu o caminho do título brasileiro corintiano em 2017. Sua piada mais famosa, que ninguém aguenta mais ouvir, já que ele conta ela desde 2015, é que o Corinthians é carro 1.0. Provavelmente ele insiste nessa merda só pra tiltar o Neto, o que sempre dá certo, digassi di passagi.

Rogério Cabeça de Pinto[editar]

Rogério Cabeça de Pinto esperando pacientemente a sua vez de falar, que já faz uns 3 anos que não chega.

Assim como o Dirceu Maravilha, Rogério Cabeça de Pinto (também conhecido como Canhão, por conta de sua cara feia) é um locutor esportivo, que está em Os Donos da Bola apenas pra fazer número, porque não consegue trazer informações, nem fazer comentários decentes, nem nada. Diferente dos demais, não é interrompido pelo Crack Neto, até porque não consegue nem começar a falar pra começo de conversa. Quase sempre o Canhão passa despercebido, e ninguém nem percebe que ele está ali no meio do programa, então pra mostrar que ainda está vivo, as vezes ele inventa uns negócios bem absurdos, como por exemplo, dizer que o Leão seria o técnico do Corinthians em 2020, mesmo ele não treinando time nenhum desde 2012.

Fernandinho Fernandes[editar]

Na falta de repórter, Fernandinho quebra um galho pro seu Johnny Saad, abandonando a bancada de Os Donos da Bola e indo fazer trabalho de campo.

Apesar de teoricamente estar em Os Donos da Bola pra ser comentarista esportivo, Fernandinho é o quebra-galho oficial do programa, que faz de tudo um pouco. Se precisa de repórter pra ir no estádio fazer a cobertura de algum jogo, lá estará ele, dando as informações através do link ao vivo. Se precisa de alguém pra fazer entrevistas direto do CT com os jogadores convidados, lá estará Fernandinho novamente dando aquela força pro seu Johnny Saad, que paga em dia, mas não contrata funcionário.

E quando o Neto não pode apresentar, tá lá o Fernandinho se virando pra conduzir todo o caos que é Os Donos da Bola, e sendo engolido vivo pelos outros membros do programa. Quando Fernandinho está apresentando, é o único momento em que os comentaristas conseguem enfim dar os seus pitacos, já que o Neto não deixa ninguém falar.

Por sua polivalência, as vezes Fernandinho é chamado pra fazer matéria até pro Jogo Aberto, não aparecendo na bancada de Os Donos da Bola pelo resto da semana. Especula-se que Datena esteja de olho em Fernandinho, pra ver se ele quebra um galho fazendo umas matérias policiais bem lokas com o Comandante Hamilton.

Grandes tretas e polêmicas[editar]

Edílso Jogadô x Velloso[editar]

Edílso dando aquela risadinha de nervoso, depois de ser jantado por Velloso.

Como Edílso é o jogadô, e não o goleiro, ele discorda que os goleiros tenham visão de jogo, o que é claro, tilta o cabelo de boneca, que ficou mais de 20 anos debaixo das traves agarrando a bola pros outros. Esse é o princípio de uma série de cenas lamentáveis, na qual Velloso bota o pau na mesa e fala umas verdades na cara do capeta, como que ele só lembra que Edílso estava na Copa do Mundo de 2002 porque ele fala isso todo dia, o que faz Edílson até perder o rumo, porque ele sabe que é verdade mesmo. No fim, por incrível que pareça, o Crack Neto é obrigado a ser o mediador da treta, chamando o intervalo pra ver se o caos diminuía. Mas isso só apagou o incêndio temporariamente, com o passar dos dias a porra toda só foi piorando, e Edílso acabou sendo chutado e mandado pro Jogo Aberto porque o cabelo de boneca é mais importante em Os Donos da Bola.

Edílso Jogadô x Fernandinho Fernandes[editar]

Cquote1.svg Eu discordo de você, Fernandinho Cquote2.svg

Como sempre, a treta começa com uma discordância, ou se preferir, uma edilsada. No debate sobre uma treta em um Gre-Nal (tinha que ser), Edílso discorda que Fernandinho entenda alguma coisa sobre o que se passa dentro de campo, já que o anão jornalista nunca chutou uma bola profissionalmente. É claro que Fernandinho fica tiltado, já que ele trabalha com futebol há mais de 30 anos, e assim se inicia uma nova série de cenas lamentáveis, com um bate boca interminável que quase descamba pra porrada mesmo. Infelizmente isso não aconteceu, porque seria bem engraçado ver dois anões brigando, ia parecer luta Pokémon. Novamente o Crack Neto é obrigado a ser bombeiro pra apagar o incêndio, chamando os comerciais pra ver se os dois se acalmavam. Novamente isso deu em nada, e os dois se odeiam até hoje.

Edílso Jogadô x Rogério Cabeça de Pinto[editar]

Cquote1.svg Eu discordo de você, Canhão Cquote2.svg

Edílso Jogadô conseguiu tretar até com o figurante do programa. Em um debate sobre a atuação do Palmeiras na vitória sobre o Guarani do Paraguai pela Libertadores, nosso querido capeta discorda que a equipe alviverde teve uma boa atuação, mesmo tendo vencido por 3x1. Ele diz que Dudu como meia parecia que tava com lombriga, não armava nada e não conseguia se posicionar, que ele só rende como meia-direita (mesmo que ele nunca tenha jogado nessa posição). O Cabeça de Pinto discorda dessa análise, dizendo que o jogo foi bom, e que Edílson deve ter assistido só os melhores momentos do jogo no YouTube. É aí que Edílso usa sua carta coringa, dizendo que o Canhão nunca chutou uma bola na vida, e assim consegue tiltar mais um companheiro de programa. A treta só não foi mais adiante porque o Cabeça de Pinto sempre é interrompido quando tá falando, então nem retrucar ele conseguiu.

Crack Neto x Elenco do Corinthians de 2017[editar]

Cquote1.svg PÃÃÃÃÃÃÃÃO!!!!! Cquote2.svg

Como não tem o Edílso no meio, não é uma treta, na verdade é uma pistolada ao vivo mesmo. Indignado com a queda de rendimento dos lombriguentos do Parque São Jorge na reta final do Brasileirão de 2017, QUE GANHAM 500 PAU POR MÊIS I NUM CORREM, NUM CONSEGUEM CHUTAR UMA BOLA, SÃO TUDO MASCARADO, UMA PERNINHA DESGRAÇADA... FAGNER? SÓ SE FOR O CANTÔ e que estavam quase entregando o título de bandeja pro principal rival, o Palmares, Neto xinga meio mundo ao vivaço, inclusive revelando para todos os seus hábitos alimentares nos tempos de atleta, desvendando o mistério do porquê ele era tão gordo quando jogava. Tudo graças a um certo pão, UM PÃO PULLMANS, DAQUELA MARCA PÃO DE FORMA. Ele também revela que seus vizinhos palmeirenses não gostam muito dele, e ficam gritando Cquote1.svg Aí, chupa Neto Cquote2.svg, mas ELE NUM JOGA MAAAIS!!! e que o porteiro da Band se preocupa em como ele está, mas ele deveria se preocupar mais com a mãe dele.